Planos de Saúde: A importância no planejamento financeiro

Muitas pessoas se perguntam se é mais vantajoso pagar um plano de saúde ou direcionar o valor da mensalidade para algum investimento. Pensando nisso, elaboramos este artigo trazendo para o debate a importância do plano de saúde e o seu impacto no planejamento financeiro pessoal e familiar.

Nos últimos anos, a instabilidade econômica, o alto nível de desemprego e as dificuldades financeiras fizeram com que muitos brasileiros precisassem repensar suas finanças, direcionando seus gastos apenas para necessidades básicas e em muitos casos o plano de saúde foi colocado em um segundo plano. Entretanto, será que está é a solução mais adequada sob o ponto de vista financeiro? Acompanhe e descubra!

Qual é a importância do plano de saúde?

O valor despendido com a mensalidade do plano de saúde não pode ser visto como um gasto, mas sim como um investimento futuro. Os problemas de saúde não costumam avisar quando vão aparecer, por isso a pessoa deve estar preparada para os imprevistos, e é justamente esta a função do plano de saúde: assegurar auxilio em caso de necessidade.

Os custos dos procedimentos médicos são muito elevados e, dependendo do problema de saúde, eles podem zerar uma reserva financeira ou investimento muito rapidamente. Por isso, as pessoas que optam por investir seus recursos em fundos de investimento ou reservas emergenciais, em vez de pagar por um plano de saúde, correm o risco de ver o seu dinheiro desaparecer rapidamente, ficando sem capital para cobrir possíveis despesas médicas.

No âmbito familiar, o risco é mais elevado. Isso porque quando se tem filhos pequenos, a necessidade de assistência médica é maior, já que as crianças ficam doentes com mais frequência. Neste sentido, ter um plano de saúde familiar é extremamente importante para a manutenção do bem-estar da família.

Como pode ajudar no seu planejamento financeiro?

A partir do momento que você contrata um plano de saúde, as questões mais relevantes relacionadas aos problemas médicos estarão asseguradas. Isso traz mais tranquilidade e a garantia de que sua família terá a devida assistência. Com isso, o investidor evita a necessidade de desembolsar valores muito altos com emergências ou possíveis patologias que têm um custo de tratamento bem elevado.

O planejamento financeiro é uma ferramenta de administração pessoal que consiste essencialmente no processo de organização das finanças por meio do reconhecimento da situação econômica e direcionamento dos objetivos. Para ter mais segurança e alcançar bons resultados em um planejamento financeiro, é imprescindível estar assegurado com relação a gastos com eventualidades, ou seja, tendo um plano que preveja assistência caso surja algum imprevisto, que é o que ocorre com questões envolvendo a saúde.

Como escolher o plano de saúde ideal?

Na hora de contratar um plano de saúde, é importante que o interessado avalie o valor da mensalidade e o seu custo-benefício. Outro fator que deve ser considerado é a credibilidade da empresa contratada e a estrutura da operadora de saúde, já que é preciso compreender se ela atende às suas necessidades.

Depois de analisar estes dois pontos, é preciso estudar o tipo de plano de saúde que você deseja contratar, se será individual ou familiar, assim como as cláusulas do contrato. Ao contratar o plano é importante que o consumidor leia o documento com calma e tire todas as dúvidas a respeito das suas obrigações e dos direitos firmados no contrato com a operadora.

Agora que você já sabe a importância do plano de saúde, que tal colocar em prática o seu planejamento financeiro? Entre em contato com a One Prev e descubra como podemos ajudar você!